quinta-feira, 15 de agosto de 2013

[Para Conhecer] Dubai


Fala, seres celomados! E aí, tudo bem?!

 Afinal, quem nunca ouviu falar de Dubai por ser uma cidade muito futurista, moderna e com enormes arranha-céus?!

E é sobre essa cidade que estaremos falando hoje aqui no Puzzle Mind.

Eu vou tentar não me alongar tanto na escrita e deixarei que as fotos expliquem um pouco do quanto maravilhosa é essa cidade que fica nos Emirados Árabes Unidos.

Dubai, assim como foi citado acima, é uma cidade muito futurista e moderna e qualquer amante de arquitetura e construção civíl com certeza gostaria bastante de visitar. São prédios, arranha-céus, construções, palácios de diferentes formas e estilos que nos deixam boquiabertos.

Esse destino turístico de luxo extremo em pleno deserto do Oriente Médio tem vários lugares interessantes para se conhecer como o Burj Dubai que é o prédio mais alto do mundo com nada mais nada menos que 818 metros de altura. Vejam a imagem:


Além do maior prédio do mundo existe o Museu de Dubai que é um lugar muito bacana que mostra dentre outras coisas a história da cidade. Cidade esta que há mais ou menos 40 anos ainda era uma tribo de pescadores que viviam do comércio de pérola.

Em Dubai tem também o "Spice Souk" que é o mercado de especiarias e é bastante interessante, pode-se fazer safári no deserto, há enormes shoppings e hotéis muito elegantes e com um grande número de lojas e atrativos, sem contar o "Gold Souk" que é o mercado do ouro.

É importante saber que:
"No verão, de junho a setembro, o calor pode ser sufocante, com a umidade às vezes chegando a 90%. Mesmo assim, muitas pessoas ainda visitam Dubai atraídas pela redução significativa nos preços dos apartamentos de vários hotéis e pelo festival de compras, o Summer Surprises onde são oferecidos grandes descontos.
O clima é melhor de outubro a abril, quando a maioria das pessoas visita Dubai atraídas pelas temperaturas que ficam entre 20°C e 30°C." (Fonte: Emirates).

Então é isso, meus caros leitores, agora vamos ver mais fotos?

Hotel que fica debaixo d'água

Dubai à noite

Crescent Moon Tower - Prédio construido para acomodar uma biblioteca infantil, sala de conferências, café, restaurante e um observatório. A lua identifica Dubai como pertencente ao mundo islâmico significa as origens e o futuro de Dubai.

Burj Dubai e outras construções

Camelos na praia




Hotel debaixod'água

Especiarias no Spice Souk


Construções
Gold Souk - Mercado do Ouro

O que acharam das fotos, meus queridos leitores? Eu particularmente gostei bastante e um dia ainda quero visitar Dubai. Vale salientar também que por estar localizada no Oriente Médio e ficar no meio do deserto Dubai não é uma cidade muito natural e eu acho que deu para perceber pelas fotos, né? Eu gosto muito da natureza, mas lugares como esse são bastante interessantes também e é de se encher os olhos!

Para quem quiser uma beleza mais natural veja os posts aqui do blog sobre Bora Bora e as Ilhas Phi Phi.

Pois é, o post acabou ficando bem extenso, mas espero que vocês tenham gostado e não esqueçam de escrever nos comentários o que acharam para eu poder ter um feedback. 


Até mais, deuterostômios,

MAY THE FORCE BE WITH YOU!


quarta-feira, 14 de agosto de 2013

SmartWatch



What’s up, folks! Então, hoje vamos falar do ‘’Smartwatch’’, já viram algo sobre? Isso mesmo o nome já diz tudo: é uma relógio super moderno. A empresa Samsung está com projetos de jogar essa inovação no mercado durante a IFA que é uma das maiores feiras de tecnologia da Europa.Veja só:





Espera-se que o smartwatch da marca seja um acessório que funcione em conjunto com a enorme gama de smartphones e tablets da Samsung disponíveis no mercado e provavelmente deve contar com uma série de funções complementares, como a visualização de notificações, recebimento de chamadas, envio de mensagens de texto, entre outros aplicativos feitos especificamente para ele.


No conceito criado os designers apostam na estrutura baseada em duas peças: uma tela flexível e uma alça ainda mais flexível, possivelmente removível – e, com isso, personalizável. O relógio deve operar com uma versão reduzida do Android e funcionalidades adaptadas ao seu tamanho e hardware.

A equipe do Voucher Codes Pro ainda ressalta que a Samsung é conhecida por sua integração de luz em projetos, e o uso dela no smartwatch pode trazer um novo nível de interação aos usuários. Ela pode, por exemplo, ser facilmente integrada em aplicações como chamadas e alertas de texto, até o uso mais complexo, como no complemento a jogos desenvolvidos para os portáteis.

E aí,seria muito legal andar com um desses ou seria muito exagerado e desnecessário?

Adams Buenus

terça-feira, 13 de agosto de 2013

Code Geass: Lelouch of the Rebellion


E aí, pessoal? Tudo mais ou menos? Bom, após um tempo sem postar sobre anime, decidi dessa vez falar sobre um dos melhores animes que já tive o prazer de conhecer. Quem me conhece sabe o quanto estou sem acompanhar qualquer animação japonesa porque, para mim, a "boa safra" já acabou. Mas enfim, isso não quer dizer que não curto mais cultura japonesa etc.

Mas tudo bem, indo direto ao ponto: Code Geass é, originalmente, um mangá. Porém, no post de hoje irei falar do anime, certo? Mais precisamente da primeira temporada, a qual foi nomeada de Lelouch of the Rebellion.


"O Santo Império Britannia declarou guerra ao Japão. A ilha bem ao leste que havia mantido sua neutralidade e a única superpotência do mundo, Britannia. Entre eles havia um conflito diplomático motivado pela riqueza do Japão. Durante a batalha terrestre, o exército de Britannia usou veículos humanóides blindados, os Knightmare Frames, em combate pela primeira vez. Esse poder superava as expectativas, e as barricadas de defesa formadas para proteger o Japão foram desfeitas uma a uma. O Japão se tornou um território do Império. Sua liberdade... Direitos... E nome foram tomados. Área 11. Esse número era o novo nome do Japão após sua derrota."

Essa é a introdução feita no primeiro episódio de Lelouch of the Rebellion. Após a derrota, o Japão - agora Área 11 - encontra-se sob um regime totalmente ditador e existe uma grande diferença entre a vida de um britânico e de um japonês. Nas instituições de ensino isso não é diferente. E após Suzaku, antigo amigo de Lelouch, ingressar num renomado colégio, a Academia Ashford, ele já nota o olhar de desconfiança e desprezo com que muitas pessoas o olham.


Além de Suzaku, existe Lelouch, o protagonista, o qual é, na realidade, um príncipe japonês que foi deixado para trás após a dominação do Império da Britannia. Em sua mente, há um grande desejo de vingança para com os britânicos e liberdade para os japoneses. Além disso, Lelouch anseia muito por um mundo onde Nunnally, sua irmã mais nova, possa viver em paz e feliz. Então, após se envolver em um conflito, ele recebe poderes de uma garota misteriosa. O Geass, poder esse que começa a ser utilizado em prol do seu grande objetivo: libertar a Área 11 e destruir a Britannia.


Os Knightmare Frames são, basicamente, robôs desenvolvidos para auxílio em momentos de guerra. Existem os mais variados tipos de Frame, desde os de velocidade, como os de força e agilidade. No decorrer do anime, a Ordem dos Cavaleiros Negros, oposição à Britannia, consegue a possa de muitas dessas máquinas e, assim, a guerra se equilibra completamente e a Área 11 começa a desenvolver seus próprios Frames.


Personagens principais

Lelouch Lamperouge é um príncipe japonês e foi deixado para trás quando o Império da Britannia invadiu e dominou o país. Após muitos anos, ao receber o Geass, ele começa a agir ativamente em favor dos japoneses, tornando-se Zero. Muito bom em jogos de lógica - em especial, o xadrez - Lelouch utiliza de muitas investidas ousadas contra o Império que dominou o seu país, escravizou os seus habitantes e matou sua mãe.


Suzaku Kururugi é amigo de infância de Lelouch e filho do último Primeiro-Ministro do Japão. Embora seu país tenha sido dominado, Suzaku acredita que mais uma guerra não é a solução, pois "os fins não justificam os meios". E em determinado momento, ele ingressa no exército brintânico e utiliza Lancelot, um Knightmare Frame.
Embora queira a liberdade japonesa, Suzaku se torna inimigo de Zero, pois não aprova os seus métodos e acredita que agir ilegalmente não irá adiantar de nada.


C.C. (pronuncia-se "Shi Tzu") é quem concede os poderes do Geass a Lelouch se, em troca, ele realizasse o maior desejo dela.
No passado, C.C. havia sido presa após seus poderes serem descobertos, sendo então utilizada como experimento.
Ela também supervisiona as ações de Zero e garante que ele não morra durante a realização de seus planos.



Abertura



Opinião da blogueira

Particularmente, eu gostei muito de Code Geass porque ele consegue ser um anime baseado na lógica sem pecar no quesito ação. Existe sempre algum conflito acontecendo e existe sempre algum (ou alguns) meios lógicos de se lidar com eles. 

Também é interessante ver que Lelouch não é aquele protagonista forte e robusto que sempre enfrenta de cara o inimigo. Não. Ele não é a força do anime, e sim a mente. Perdemos o fôlego ao esperarmos ansiosamente pelo próximo passo que será dado por Zero e ficamos surpresos com pequenos detalhes que deixamos passar despercebidos. No mais, não há muito o que se falar. Apenas que esse é um dos meus animes favoritos e que todo amante da cultura japonesa que se preze deve assistir Code Geass.


E então? O que acharam dessa parte da franquia de Code Geass? Lelouch of the Rebellion compreende duas temporadas, cada uma com 25 episódios. Clique aqui se quiser baixar Code Geass completo e se você já assistiu, deixe aqui a sua opinião.

Obrigada pela visita!